DEPOIMENTO: Marli Susana Lilak – Gerente de Controladoria da Terra Rica Calcário

[…a comunicação era difícil, então a gente via assim: quando você vai num setor e precisa cobrar o outro, ele cobra a pessoa. Com o TEvEP não. Essa metodologia traz essa questão de você não cobrar a pessoa e sim o evento. Aí então a comunicação melhora bastante.

Na maioria dos projetos, o custo evitado que isso gerou ali para a empresa é bem significativo, e as pessoas conseguiram enxergar isso dentro dos setores. Quem hoje matricula projetos, que traz projetos que traz ideias, essas pessoas pegaram assim o espírito do TEvEP e hoje elas não conseguem trazer qualquer coisa sem falar “Vamos fazer um TEvEP”.